“I haven't slept in seventeen days.”

That's how the story that Haruki Murakami wrote about a woman who could no longer sleep goes. As her husband and son sleep the sleep of the righteous, she begins a parallel nightlife that unexpectedly becomes more interesting, exciting, and dangerous than her days. Sleep is a re-edition of Haruki Murakami's 1987 book. Underlying its central concept is the use of typography as a complement to the meaning of the story: whether it is the variation between pages so plentiful in text or so monotonous that they make us sleepy, or the hidden words that makes our reading more difficult. The publication is completed with a container linen bag, emphasizing the sleepless mood of the project.

 

«Há dezassete dias que não durmo.» Começa assim a história que Haruki Murakami escreveu sobre uma mulher que, certo dia, deixou de conseguir dormir. Enquanto o marido e o filho dormem o sono dos justos, ela começa uma vida nocturna paralela que, inesperadamente, se torna mais interessante, entusiasmante e perigosa que os seus dias. Sono é uma re-edição do livro Sleep, de Haruki Murakami (1987). Subjacente ao seu conceito central está o uso da tipografia como complemento do sentido da história: seja na variação entre páginas tão abundantes em texto ou tão monótonas que nos dão sono, ou no ocultar de palavras que torna a leitura mais difícil. A publicação completa-se com um saco-contentor, dando ênfase ao ambiente insone do projecto.

sono_2sono_2
sono_3sono_3
sono_4sono_4
sono_5sono_5
sono_6sono_6
sono_7sono_7
sono_8sono_8
sono_9sono_9

Faculty of Fine Arts of the University of Lisbon
Editorial Design, 1st semester, 3rd year, Communication Design
Project integrated at the finalists exhibition FBAUL DC '15 - Agora, Irrepetível